A base é um produtinho praticamente indispensável em qualquer maquiagem. Chega a ser difícil imaginar uma make que não use o produto.

Ela é o primeiro passo da maquiagem, pois sua aplicação confere uma aparência uniforme e saudável à pele, além de aumentar o tempo de duração dos demais produtos aplicados, como o corretivo e o pó.

E se engana quem pensa que a base é um produto que começou a ser usado somente na época contemporânea.

Data-se que as primeiras bases apareceram em 27 a.C, durante o império Romano. Eram fabricadas pastas com cera de abelha e óleos naturais, isso para que a pele ficasse com um tom mais uniforme.

Com o passar dos anos, as bases foram evoluindo sua composição e versões. Hoje podemos encontrar umas vasta gama de alternativas no mercado. Tem para todos os gostos e bolsos! As mais comuns são:

  • Líquida: com certeza a mais conhecida! Ela possui uma textura fluida e oferece fácil aplicação;
  • Bastão: ela é bem consistente, com textura semelhante a um corretivo. Por ser mais densa, é uma das versões de base que melhor cobre manchas;
  • Mousse: possui cobertura semelhante à base líquida, porém, oferece cobertura mais seca;
  • Mineral: oferece uma cobertura leve e natural, sendo ideal para peles oleosas.
  • Compacta: produtinho 2 em 1, combina o efeito da base com o efeito do pó;
  • Cremosa: ela tem uma textura que cobre bem as imperfeições e é mais hidratante do que as outras versões de base.

É muita opção para você escolher! Mas, como fazer para decidir qual base comprar quando a gente para em frente a uma prateleira com dezenas de opções?

Bom, o primeiro passo é saber qual é o seu tipo de pele: normal, oleosa, seca… Ter essa informação na ponta da língua é muito importante, pois usar um produto que não seja recomendado para você pode causar inúmeras reações. Desde simplesmente não oferecer o resultado esperado até agravar o aspecto da pele.

Sabendo disso, eu testei uma base que está super em alta e promete vários benefícios para a pele. É a Base Matte Média Cobertura da Tracta.


Quer saber o que eu achei? Confira na resenha a seguir!

Índice – nesta resenha você encontra as seguintes informações:

  1. O que é base matte?
  2. O que é a Base Matte Média Cobertura Tracta?
  3. Composição
  4. Preço e onde comprar
  5. Como usei
  6. Minhas impressões
  7. A base Matte Média Cobertura da Tracta é boa?
  8. Como saber minha cor de base?
  9. Como aplicar a base?

O que é base matte?

A base matte oferece um efeito opaco e sem brilho à pele. É o tipo de base mais procurado por quem possui pele oleosa.

Essa versão de base virou a queridinha aqui no Brasil. E não é para menos, já que pelo menos 70% da população brasileira possui esse tipo de pele.

Mas não é só por isso que ela é super procurada. A base de efeito matte é capaz de garantir maior duração da make e não acumular nos poros, uma boa pedida para quem tem problemas com acne.

Outro benefício da base de efeito matte é que ela permite explorar outras áreas da maquiagem. Como a pele acaba não sendo a protagonista, você pode extravasar nas áreas como os olhos e a boca.

O que é a Base Matte Tracta Média Cobertura ?

Como o próprio nome já diz, a Base Matte Média Cobertura Tracta oferece uma cobertura média e opaca.

De acordo com o fabricante, ela suaviza as imperfeições, é oil free, possui secagem rápida, contém vitamina E e é indicada para todos os tipos de pele.

A vitamina E em sua composição é um ponto super positivo, pois ela possui propriedades antioxidantes, cicatrizantes, hidratantes e antienvelhecimento.

O produtinho também garante que uniformiza o tom da pele, disfarça imperfeições, oferece acabamento natural com textura aveludada e confere cobertura perfeita. Mas será que é tudo isso mesmo? Já já vamos descobrir!

Cores

Você pode encontrar a base nas seguintes cores:

As cores vão desde a mais clara (cor 01) até escura (cor 08). É uma boa gama de cores para um país com tons de pele tão diversificados. Porém, poderiam variar um pouco mais nas tonalidades, pois a pele negra por exemplo, se encaixa somente nesta última numeração.

Composição

Já falamos acima que a fórmula da Base Matte Média Cobertura da Tracta possui vitamina E. Mas a composição contém demais ativos que valem destaque, como o CI 77891, que é o dióxido de titânio, utilizado para conferir proteção solar.

O produtinho também possui em sua composição o Tocopheryl Acetate, um ativo que oferece ação antioxidante a pele.

Demais ingredientes, tais como o Sodium Chloride, cuidam da viscosidade e o Parfum e o Geraniol são alguns dos integrantes responsáveis pela fragrância.

Como a fórmula é oil free, apresenta baixo risco de incidência a acne. Confira logo abaixo os demais componentes que compõe o produto:

Trihydroxystearin, Disteardimonium Hectorite, Propylene Carbonate, Cyclomethicone, Caprylic/Capric Triglyceride, Cyclopentasiloxane, PEG/PPG-20/15 Dimethicone, Polyglyceryl-4 Isostearate, Disodium EDTA, Aluminum Starch Octenylsuccinate, (Benzyl Salicylate, Hexyl Cinnamal, Hydroxycitronellal, Lyral Hydroxyisohexyl 3 Cyclohexene Carboxaldehyde, Alpha-Isomethyl Ionone), Phenoxyethanol, Methylisothiazolinone, Pentaerythrityl Tetrastearate, CI 77499, CI 77491, CI 77492, Aqua, Acacia Senegal Gum Extract.

Preço e onde comprar

A Base Matte Média Cobertura da Tracta é super fácil de achar. Você encontra em farmácias, loja especializadas em cosméticos e lojas de departamento.

Disponível em bisnaga de 40g, a faixa de preço varia entre R$ 25* a R$ 35*.

E para economizar tempo e dinheiro, você pode encontrar a Base Matte Média Cobertura Tracta em nosso comparador de preços, o Consulta Remédios. Ele mostra farmácias que entregam na sua região, comparando as ofertas do menor ao maior valor! Muito prático, não é?

*A pesquisa de preços foi realizada através do Consulta Remédios no dia 27/03/2019. Os valores podem sofrer alterações.

Como usei a base matte

Para testar sua eficácia e tempo de permanência na pele, eu utilizei a base de duas formas diferentes em dois dias para analisar seus pontos positivos e negativos. Lembrando que minha pele é oleosa com tendência a acne e possui manchas. Usei a cor número 03.

Dia 1

Fiz a maquiagem pela manhã antes de sair de casa. Realizei minha rotina de cuidados com a limpeza da pele, hidratação e proteção solar.

Nesse dia eu usei um primer antes da base para saber como ficaria sua aparência e quanto tempo ela ficaria na pele.

Gostei bastante do resultado! O acabamento ficou bastante uniforme e a aparência da pele ficou mais agradável. Senti a sensação de pele aveludada e a oleosidade demorou mais que o habitual para aparecer.

Dia 2

A rotina de cuidados foi praticamente a mesma do primeiro dia, com limpeza, hidratação e proteção. Porém, não apliquei o primer pois queria ver o tempo de duração somente da base e como ela se comportava na pele.

O primer é um produtinho milagroso que ajuda a controlar a oleosidade e segurar o efeito da base na pele por mais tempo. Portanto, não é de se espantar que sem ele o brilho na minha pele apareceu em menos tempo.

Mas, mesmo sem a aplicação do primer, a duração da base na pele me surpreendeu. Ao final do dia, ainda dava para ver sua cobertura sem muito acúmulo em pontos específicos do rosto, como por exemplo nas linhas de expressão.

Minhas impressões

Aqui eu te mostro detalhe por detalhe e o que eu achei do produto. Nele, avalio pontos como cobertura, tempo de duração na pele, transferência, entre outros. Vamos conferir?

Cobertura

Apesar de ser uma base de cobertura média, ela cumpre o que promete, sendo considerada por muitos uma base de cobertura média a alta.

No meu caso eu aprovei o resultado. Como no dia a dia eu gosto de usar maquiagem bem leve, passo pouco produto, apenas para cobrir as manchas mais escuras. Mesmo assim, ela cobriu bem e deixou um resultado bem bonito.

Esse tipo de cobertura oferece versatilidade ao produto, pois ela proporciona a possibilidade de fazer desde uma maquiagem mais leve até uma maquiagem super elaborada.

Nota: 5

Tempo de duração na pele

Não é dos mais longos, mas também não é ruim, depende de quanto produto você aplica e como você utiliza a base.

Em mim ela dura pelo menos umas 6 horas para haver a necessidade de retocar com o pó compacto, mas isso usando um primer antes. Sem ele, o tempo durou praticamente a mesma coisa, porém, o brilho e a sensação de oleosidade apareceram mais rápido.  menos

Nota: 4

Transferência

Esse foi um dos pontos mais positivos do produtinho. Ele transfere pouquíssimo, quase nada. Dessa forma, você pode usar tranquila sem a preocupação de causar manchas nas roupas ou em outros objetos.

Nota: 5

Embalagem

Eu acho o formato em bisnaga bem bom, pois assim a gente consegue aproveitar o máximo do produto.

Possui furinho que consegue oferecer a quantidade ideal de produto, dessa forma, não desperdiça produto, assim você utilizar somente o necessário.

Nota: 5

Textura e aplicação

Ela possui textura levemente densa, mas não vou dizer líquida, pois ela é um pouco mais grossinha que isso.

Mas isso é algo que não atrapalha na aplicação. Ela espalha bem, porém, na minha pele ela apresentou áreas onde a aplicação não é tão boa, como as olheiras.

Nota: 4

Sensação na pele

Apesar de conferir efeito matte, ela não deixa uma sensação seca na pele. Pelo contrário, ela oferece uma sensação de leveza e de hidratação também.

Mas e a oleosidade? Bom, por um tempo ela consegue manter a impressão de uma pele livre de óleo, mas como não existe produto milagroso, depois de algumas horas a sensação de oleosidade aparece.

Nota: 4

A Base Matte de Média Cobertura da Tracta é boa?

É sempre bom lembrar que, para poder dizer se um produto é bom ou não, temos que levar em consideração vários fatores. Pensando nos pontos como cobertura, transferência e preço, é uma boa base sim!

Para mim, que sofro com a pele oleosa e a acne, não houve problemas. Apesar de não segurar a oleosidade por muito tempo, ela não aumentou a quantidade do sebo e também não ocasionou novas espinhas.

Como saber minha cor de base?

Para boa parte das pessoas, escolher a cor da base é tipo missão impossível! Qual tom ou cor é o correto para mim? Onde é melhor testar: pescoço, colo ou rosto? Qual marca ou versão usar?

É normal aparecerem muitas dúvidas,, por isso listei abaixo alguns passos bem fáceis que vão te ajudar nessa grande questão:

    1. Descubra qual é o seu tipo de pele;
    2. Escolha qual o tom que mais se compara à sua pele: claro, médio ou escuro;
    3. Escolha o subtom (Existem 3 subtons: quentes, que puxam para o vermelho, laranja e amarelo; frios, que puxam para o azul, verde e violeta e os tons neutros, que são a mistura de ambos); a
    4. Depois de escolher as cores que mais se assemelham à sua pele, faça o teste no maxilar. Escolha uma cor que não demonstre diferença entre a cor do rosto e do pescoço;
    5. Sempre teste mais de uma cor de base e, se necessário, misture duas delas para conseguir o tom certo;
    6. Teste em mais de uma iluminação e em mais de um espelho, pois isso pode sim fazer a diferença!

Ah! Outra dica importantíssima é que a base deve sempre ser testada no maxilar, nada daquela história de testar no pescoço ou na mão, pois essas áreas podem apresentar uma tonalidade diferente, ok?

Pois é, tem que ter paciência mesmo! Mas se você seguir esses passos, com certeza vai conseguir achar o tom ideal de base para o seu rosto.

Como aplicar a base matte?

Não existe uma regra que diga qual é a maneira certa para usar o produto, mas dicas são sempre bem vindas, não é mesmo?

O importante é que, sempre antes de aplicar a base, você deve limpar, tonificar e hidratar a pele. Assim, ela se mantém saudável e a base oferece um acabamento mais bonito.

Se possível, sempre utilize um primer antes, pois ele proporciona mais facilidade na aplicação da base e mais durabilidade do produto.

Para facilitar o processo, você pode começar aplicando a base na testa, descendo para os olhos e nariz. Por último, aplique nas bochechas e no pescoço. Essa etapa deve ser feita sempre com movimentos leves e de dentro para fora do rosto.

Existem vários acessórios que podem ser usados para aplicar a base. Caso você utilize um pincel, é sempre bom dar leves batidinhas com uma esponja para finalizar o acabamento. Agora, caso você espalhe com os dedos, use o dedo anelar para a região ao redor dos olhos e área central.

E é claro, nunca durma de maquiagem! Retire todos os produtos depositados na derme antes de dormir, pois eles podem obstruir os poros e fazer mal a sua pele.


Falar de produtos que realçam a nossa beleza é sempre muito bom! E você, gostou da resenha? Então conta o que achou e caso tenha alguma experiência com o produto, deixe seu comentário. Sua opinião é muito bem-vinda!


Bleeza: Somos um time de especialistas em conteúdo digital, apaixonado por produtos de beleza! Escrevemos resenhas completas com informações técnicas e análises individuais das experiências de uso de cada produto. Acreditamos na beleza compartilhada e no consumo consciente ❤

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *