Um bronzeado natural que dá aspecto de pele saudável e viva é um sonho de consumo para muitas pessoas. Especialmente quando o calor chega e as roupas curtas e trajes de banho deixam o corpo mais exposto. E é justamente nesse espaço que há diversas opções de bronzeador, autobronzeador e técnicas para ajudar a chegar no verão já com o tom de pele desejado.

No entanto, é importante tomar cuidado para não danificar e prejudicar a derme em busca de um padrão estético. Portanto, como faltam poucas semanas para a chegada da estação mais quente do ano, testamos o autobronzeador hidratante da Avène, que se propõe a hidratar e bronzear a pele naturalmente. Então, confere todos os detalhes a seguir! 

Índice – Nesta resenha, você vai encontrar:

Publicidade
  1. O que é e para que serve o autobronzeador hidratante Avène gel?
  2. Composição
  3. Como usar o autobronzeador hidratante Avène gel?
  4. Preço médio e onde comprar?
  5. Minhas impressões
  6. Autobronzeador hidratante Avène gel: antes e depois
  7. O autobronzeador hidratante Avène gel vale a pena?

O que é e para que serve o autobronzeador hidratante Avène gel?

De acordo com a fabricante, o autobronzeador hidratante Avène gel “proporciona, sem sol, um bronzeado uniforme e natural adaptado a cada tipo de pele”. 

O produto é indicado para colaborar na mudança do tom, além de hidratar e suavizar a pele. Efeitos da sua composição com água termal, glicerina e vitamina E.

Porém, assim como outros bronzeadores, não protege contra raios ultravioletas (UVA e UVB), sendo necessário o uso de protetor solar para essa finalidade. 

Por fim, vale dizer que o produto pode ser utilizado no rosto e corpo para todos os tipos de pele. E segundo a Avène, possui fácil aplicação e rápida absorção.   

Composição

Com uma fórmula livre de parabenos, hipoalergênica e não comedogênica, ou seja, que evita a obstrução dos poros e a formação de acne, o autobronzeador  pode ser utilizado até por peles mais sensíveis. 


Além disso, a fabricante destaca que o produto deixa sensação refrescante na derme. Sua composição é:

AVENE THERMAL SPRING WATER (AVENE AQUA). PEG4. COCO-CAPRYLATE. DIHYDROXYACETONE. HYDROXYETHYL ACRYLATE/ SODIUM ACRYLOYLDIMETHYL TAURATE COPOLYMER. ERYTHRULOSE. BENZOIC ACID. BLUE 1 (CI 42090). CAPRYLIC/CAPRIC TRIGLYCERIDE. CAPRYLYL GLYCOL FRAGRANCE (PARFUM). GLYCERIN. HELIANTHUS ANNUUS (SUNFLOWER) SEED OIL (HELIANTHUS ANNUUS SEED OIL). ISOHEXADECANE. POLYSORBATE 60. RED 4 (CI 14700). SODIUM CHLORIDE. SODIUM SULFATE. SORBITAM ISOSTEARATE. TOCOPHEROL. TOCOPHERYL GLUCOSIDE. WATER (AQUA). YELLOW 6 (CI 15985).

Como usar o autobronzeador hidratante Avène gel?

Em síntese, o uso do autobronzeador é bem simples:

  1. Com a pele limpa e seca, aplique uniformemente uma camada fina do produto no corpo e rosto;
  2. Aguarde 20 minutos para colocar a roupa;
  3. O uso pode ser feito diariamente até se chegar ao tom desejado;
  4. Após isso, a manutenção deve ser feita com uma aplicação semanal de nova camada fina do produto;
  5. Lave bem as mãos após cada aplicação.

No entanto, na prática, é preciso cuidado e vou contar melhor nos tópicos abaixo.

Preço médio e onde comprar?

O preço médio do autobronzeador hidratante Avène gel de 100 mL gira em torno de R$80* a R$100, mas pesquisando online, encontrei ofertas a partir de R$39,90. Por isso, vale a pena usar plataformas como o Consulta Remédios para comparar preços antes de realizar a compra. 

Além disso, o produto pode ser encontrado em farmácias e lojas de departamento que comercializam protetores solares e bronzeadores. 

*Preços consultados em setembro de 2021, podendo sofrer alteração.

Minhas impressões

Antes de mais nada, vale destacar que eu sou uma pessoa do sol! Então, não costumo usar produtos para bronzear a pele, essa foi a primeira vez. De maneira geral, não me senti muito à vontade com o produto, mas a seguir conto um pouco melhor, atribuindo notas de 1 a 5 em cada uma das categorias. 

Embalagem

A embalagem é bonita e facilita a dosar a quantidade de produto. Porém, contém apenas 100 mL, o que, ao meu ver, não é suficiente para uso contínuo no corpo todo e no rosto.  

Nota: 3/5

Cheiro

Não é que o cheiro seja ruim e, pelo que vi, outros produtos bronzeadores têm um cheiro pior. Mesmo assim, não achei muito agradável e fica na pele ao longo de todo o dia, o que acaba enjoando. Tanto que preferi não passar no rosto, justamente pelo cheiro!

Nota: 3/5

Aspecto na pele

Segundo a fabricante, “sua textura leve e não gordurosa permite uma aplicação fácil e rápida sem manchas e demarcações”. No entanto, dependendo da quantidade de produto fica meio pegajoso e demora a secar. 

Publicidade

Ao mesmo tempo, quando apliquei camadas finas, não tive muitos resultados, por isso acabei passando mais produto. De acordo com as orientações, deve-se esperar 20 minutos para colocar a roupa. Porém, depois de algumas horas percebi que onde eu encostava acabava ficando marcado na pele (como se o produto estivesse saindo). Ou seja, manchou a pele e tive que ficar tentando suavizar o efeito.

A nota só não ficou mais baixa nessa categoria, porque o produto realmente suaviza e hidrata a pele, além de trazer o efeito bronzeador para o qual se destina. 

Nota: 3/5

Tempo de ação

Assim como comentei no tópico anterior, os 20 minutos de pausa após a aplicação não foram suficientes para a fixação do produto, o que acabou trazendo algumas manchas. 

Outro ponto importante é que durante a aplicação, o tom é um, mas após algumas horas vai escurecendo muito mais. Portanto, vale a pena aplicar finas camadas diariamente para ter um maior controle do tom almejado. 

Nota: 3/5

Custo-benefício

A Avène é uma marca muito boa de cuidados com a pele, tanto que não é muito barata. Mas confesso que o bronzeador, ao meu ver, peca na questão de custo-benefício. Isso porque o frasco de 100 mL não é suficiente para várias aplicações no corpo todo, o que torna quase que insustentável chegar ao tom desejado, uniformemente, com um frasco só. 

Pode ser que você ame autobronzeadores e já esteja habituado (a) com seu uso, então pode ter uma experiência completamente diferente da minha. Mas para mim, não acredito que compense.  

Nota: 2/5

Autobronzeador hidratante Avène gel: antes e depois

Agora que já expressei todos os pontos teóricos que não gostei muito no produto, deixo a imagem, que mostra que ele realmente bronzeia a pele! 

Para ficar mais visível, passei o produto em um braço só
Deu bastante diferença no tom, no braço ficou bem bronzeado e uniforme, mas deixou algumas manchas (especialmente no pulso) e ressecou bastante a pele da minha mão

O autobronzeador hidratante Avène gel vale a pena?

Depende do quanto você tem a necessidade de estar bronzeada. Para mim, particularmente, o produto não vale a pena, pois acho que a “cor do verão” vem com o verão! Além disso, gosto mesmo é de protetor solar que me deixa bronzear sem prejudicar a pele e o fato de ter que usar dois produtos não me agrada muito. 

Se o autobronzeador também tivesse fator de proteção, mudaria minha opinião. 

Por outro lado, o produto funciona, deixando realmente um bronzeado natural, desde que aplicado de maneira correta por um período determinado, com retoques frequentes. 

Então, se você quer chegar no verão já com marquinha e pele dourada, é uma opção que não vai danificar sua cútis! 

Leia também: Dicas e produtos de beleza para curtir o verão com saúde

___________________________________________________________________

Por fim, um ponto fundamental para levar em conta é que a proteção da saúde da pele deve ser sempre a prioridade, juntamente com o respeito à sua própria beleza! Cuide de você, se ame, se acolha e se joga no verão! 

Agora, me conta o seguinte: você costuma usar algum produto para bronzear ou proteger a pele no verão? Recomenda aqui nos comentários para testarmos também e confere as outras resenhas disponíveis aqui no Bleeza! 


Bruna Carvalho: Amo mudar o cabelo e descobrir produtinhos bons pra deixar ele hidratado e cheiroso. Tenho uma paixão especial por aqueles que têm consciência e responsabilidade socioambiental, então dou preferência para produtos veganos, não testados em animais e com redução de químicos e plásticos em suas fórmulas e embalagens. Alisei o cabelo por 15 anos e há pouco mais de um ano me aventuro na transição capilar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *